avantifellows-logo

Melhora a educação em matemática e ciências de estudantes do ensino secundário com poucos recursos. Para tal, combina a metodologia peer to peer com o apoio de uma rede de mentores (voluntários universitários).

  • Organização:

    Avanti Fellows

  • País:

    Índia

  • Nome do(a) inovador(a) ou fundador(a):

    Akshay Saxena

  • Endereço:

    Mumbai Office:

    4th Floor, Candelar Building, 26 St John Baptist Road, Near Mount Mary Steps, Bandra (W), Mumbai 400 050

    New Delhi Office:

    2nd Floor 212 Shahpur Jat New Delhi, 110017

  • Reconhecimentos/Prêmios:

    2013 AkshaySaxenaesFellow Ashoka.

NÍVEL EDUCATIVO (idade)

avantifellowsgraf-GNE

APOIO AUDIOVISUAL

MAPA

ANÁLÍSE DA INOVAÇAO

ES-Avanti Fellows-GA

1. PROBLEMA QUE A INOVAÇÃO TENTA SOLUCIONAR

Na Índia, apenas 13% dos 7,8 milhões que concluem o ensino secundário continuam seus estudos na universidade.

Desta percentagem, muito pouco pertence a famílias com poucos recursos. A diferença de nível educativo entre as escolas privadas e públicas é alta, acentuando o fosso social. De acordo com o Global Poverty Research Group (GPRG), os alunos das escolas privadas na Índia, em leitura-escrita e aritmética, atingem o dobro dos resultados dos alunos das escolas públicas.

A dificuldade nos exames de acesso à universidade é alta, sobretudo no que se refere a matérias STEM. Os planos de estudo da escola secundária não preparam para estes exames. Isto ativa uma grande indústria de tutoria para capacitar os estudantes com dois ou três anos de antecedência e com um custo anual de, pelo menos, 3.500 dólares.

Consequentemente, só os estudantes com recursos para pagar estas aulas particulares podem apresentar-se aos exames com a preparação necessária. Para complicar ainda mais o cenário, cada universidade tem um tipo de exame e modelo de avaliação específicos, sendo, portanto, necessária uma preparação focada em um centro em particular.

Por outro lado, uma avaliação recente efetuada pela National Association of Software and Services Companies (NASSCOM) demonstrou que as empresas TIC rejeitam 90% dos graduados universitários e 75% dos graduados de engenharia por não estarem suficientemente preparados para prosseguir com a formação nas empresas.

2. QUE SOLUÇÃO SE PROPÕE?

Com o objetivo de aumentar as oportunidades de êxito no acesso à universidade por parte dos estudantes provenientes de contextos socioeconômicos desfavorecidos, a Avanti Fellows proporciona uma alternativa à dispendiosa oferta de aulas particulares para a preparação dos exames de acesso. Este programa enfatiza as matérias-chave, como a matemática e as ciências.

Aborda a educação como um processo social, do qual participa a figura do assistente social que assume tarefas de facilitador, enquanto os estudantes entram em dinâmicas de formação entre pares.

3. COMO FUNCIONA ESTA SOLUÇÃO? 

A Avanti Fellows propõe uma pedagogia avançada, pois considera que a aprendizagem é produto da engenharia social e não apenas uma transferência de informações entre o professor e o estudante. Concretiza-se em uma metodologia peer to peer, desenvolvida pelo professor de Harvard, Eric Mazur. Primeiramente foi implementada em centros públicos e depois, considerando os resultados, foram abertos centros próprios: Avanti’s Learning Centers.

A implementação desta metodologia prescinde da figura convencional do docente e baseia-se na figura do assistente social, que foca suas funções em ser conselheiro e facilitador para os estudantes que estão sob sua responsabilidade.

Os estudantes são introduzidos em um sistema de aprendizagem mútuo (peer to peer) que se combina com o mentoring.

Estes assistentes sociais, com fortes competências comunitárias e sociais, além de orientar de forma pessoal os estudantes, mantêm a disciplina e guiam seu processo de aprendizagem. Desempenham um papel fundamental para garantir que os estudantes estejam ativos e motivados. Se detectarem que um estudante precisa de orientação e apoio acadêmico, encaminham-no para um mentor.

Os mentores que fazem parte da rede da Avanti (uma das maiores da Índia com mais de 300 membros) provêm das melhores universidades privadas de engenharia e direito. Os mentores guiam os estudantes por meio do currículo com uma clara orientação para a universidade.

Mentores e estudantes estabelecem laços estreitos ao longo de dois anos do programa Avanti. Este é um dos aspectos mais valorizados pelos estudantes.

A Avanti oferece um programa de dois a três anos para os alunos do 9º ao 12º ano, que aumenta sua formação em ciências e matemática para os exames de conclusão de curso.

O programa é oferecido a crianças de famílias de baixa renda, alunos da escola pública, dentre os quais a Avanti seleciona 5% por meio de uma prova e de um processo de entrevistas.

4. INDICADORES DE IMPACTO E RESULTADOS

A Avanti tem centros próprios em Mumbai (200 alunos), Nova Delhi (45 alunos) e Kanpur (45 alunos); e centros associados a escolas de Chennai (180 alunos). Além disso, com a cooperação do Departamento de Educação da Administração Central Tibetana, também oferece o programa a três escolas do Tibete (100 alunos).

Os estudantes que se formam com a Avanti têm mais 25% de possibilidades de aprovação no exame JEE Advanced Examination do que o estudante médio.

Os estudantes da Avanti estão conseguindo a admissão em universidades de primeiro nível da Índia, rendendo tanto quanto os alunos avançados dos colégios técnicos públicos e privados do país.

5. PONTOS FORTES DA INOVAÇÃO

  • Orientação para a equidade educativa.
  • Metodologia peer to peer.
  • Resultados acadêmicos comprovados em ciências e matemática.
  • Mobilização de mentores com nível em STEM.

6. ALCANCE GEOGRÁFICO

Índia e Tibete.

7. MODELO DE RECEITA

A Avanti é uma organização sem fins lucrativos cadastrada na Índia e nos EUA.

Recebe doações significativas da Fundação Draper Richards Kaplan, Echoing Green, organização de alunos PanIIT, Unltd Índia.

Também recebe doações individuais provenientes da Índia e dos EUA.